Colmeia Warré

Nossa colmeia Warré prontinha a ser povoada! Apta para praticar “natural beekeeping” onde o foco principal é o bem estar das abelhas = abelhas mais saudáveis, mais resistentes às doenças, menor necessidade de tratamentos e menor necessidade de intervenção no ninho. A nossa warré foi adquirida junto aos nosso amigos da Timberbee. Nós fizemos algumas adaptações: Fixamos uma tela na caixa de agasalho para evitar que as abelhas possam roer a serapilheira. Também desta forma, as abelhas poderão regular as aberturas na rede à suas necessidades. Utilizaremos um saco de serapilheira cheio de palha que servirá como “isolante” térmico da colmeia.

Warré Hi

Warré Hi

Anúncios

Batatas.01: No digging potatoes

Image

Essa é nova e andávamos loucos para experimentar: No digging potatoes! Uma plantação de batatas que dá menos trabalho 🙂 Basta dispor as batatas no solo, a seguir dispor um pouquinho de composto e cobrir com uma boa camada de palha bem solta. A seguir adicionar algum composto sobre a palha e volta a adicionar + palha. Finalizar com mais algum composto e regar. Quanto mais a alta a pilha mais batatas teremos…quando for a altura certa basta ir buscar as batatas à palha sem maior esforço. e no final ainda teremos uma bela quantidade de material decomposto (palha+terra+água) pronto para adicionar ao canteiro, ou ainda para turbinar a composteira.

Fauna.01

Image

Na semana que passou fui mover a pilha de composto e deparei com uma família muito bem instalada no quentinho desta. O Rato do Campo normalmente não constitui uma ameaça a agricultura, menos em caso de desequilíbrio ecológico e pela falta de predadores naturais quando podem causar maiores estragos às plantações de cereais. Aqui na quinta são a fonte de alimento das corujas, das águias, raposas, saca-rabos, entre outros. Estes filhotes foram postos junto da pilha de lenha na esperança que a mãe os viesse buscar…